domingo, 3 de maio de 2015

Partes Mínimas XIV

Eu não quero te arrancar de mim
Não quero não te querer
Não quero não me entregar...
Estou rendida a tua meia luz...
Mas, não faço só o que desejo.

Três de Maio

2 comentários: